Rio de Janeiro, como esquecer de você…..


10636147_324363951065767_6846409517006619074_nMeu primeiro post não poderia ser de outro lugar a não ser do Rio de Janeiro, melhor cidade do mundo na minha opinião e olha que não sou carioca hein. Além de ser realmente a cidade maravilhosa, é uma cidade com vários atrativos, pessoas interessantes e um hábito de vida bastante saudável para a maioria das pessoas.

Bom hoje vou falar da vista do morro dos irmãos, o trajeto não é fácil, mas vale a pena. E gente NÃO PAGA NADA!!! Temos que fazer uma trilha de cerca de 1:30h que não é muito longa, cerca de 1,6 km de subida para chegar ao topo, não é das mais difíceis mas requer um pouco de esforço físico. Levem na mochila água, barrinhas de cereais ou frutas e câmera.

A aventura começa no morro do Vidigal, que hoje em dia é uma favela pacificada e das mais badaladas diga-se de passagem, onde turistas e cariocas frequentam, com festas incríveis, hostels*, barzinhos, sem contar a vista maravilhosa e o acolhimento dos membros da comunidade. Mas enfim, chegando no Vidigal temos que pegar uma moto-taxi que nos leva até o início da trilha, que fica atrás de uma quadra de futebol da comunidade. O motoqueiro perguntou se eu queria com muita ou pouca emoção e a tonta aqui disse muita é claro, porque sempre gosto de bancar a durona, nisso ele já saiu acelerando, desviando de pessoas, carro, cachorro, gato, periquito e papagaio naquelas vielas estreitas, buzinando e virando para trás para conversar comigo “moço olha pra frente”.

10599604_320897401412422_693144488677401448_n

No início a trilha é bem íngreme e cansa bastante, mas dá para parar e descansar em vários pontos, dependendo do condicionamento de cada um. Na medida que vamos subindo existem vários mirantes, podemos ver a favela da rocinha, a praia de São de Conrado, o Joá e finalmente chegando no topo a vista do Cristo Redentor, Lagoa Rodrigo de Freitas e as praias do Leblon, Ipanema e Arpoador, dentre outros.

Vista da rocinha

Vista Favela da Rocinha

vista

Vista do Arvrão

Depois de passar um tempo admirando a paisagem é hora da descida que sempre mais rápida mas nem por isso mais fácil, pois é cheia de pontos escorregadios, eu mesma cai, mas por sorte não me machuquei. Chegando no ponto de partida é hora de fazer o caminho contrário. Se ainda estiver cedo da para ir andando até o mirante do Leblon apreciar a vista e depois ainda pegar uma praiana.

Bom, recomendo a todo mundo e espero que tenham gostado. Caso queiram entrar em contato, dar sugestões e dicas ou até mesmo contar sua experiência é só me mandarem um e-mail  para garotatecontotudo@gmail.com. Ou deixe seu recadinho aqui em baixo!

Beijos e até a próxima.

Raissa Bersan

*hostel Mirante do Arvrão: Para quem quer se hospedar ou mesmo conhecer super indico esse aqui, maiores informações em:http://mirantedoarvrao.com.br