Criolipólise  - Eu fiz! Primeira fase

Criolipólise – Eu fiz! Primeira fase


Por Danielle Dantas

Olá pessoal, hoje  vou dar continuidade sobre a  matéria de  criolipólise. Algumas matérias atrás falei sobre a técnica que promete reduzir o percentual de gordura, através do congelamento das células de gordura.

A técnica é feita com a ajuda de um aparelho específico cujos aplicadores acoplam-se perfeitamente às diferentes áreas do corpo. “Pode se  tratar áreas de qualquer tamanho com a criolipólise, mas numa área maior o procedimento deve ser dividido em dois momentos na mesma seção, para que toda a área seja tratada” Então vou contar como foi minha experiência e o procedimento.

Bom realizei o procedimento na clinica Adriana Bastos  no Sion, em Bh. Ela realizou uma avaliação com perimetria  fazendo a marcação das áreas que me incomodava, abdômen  e  flanco( lateral)… A criolipólise pode ser feita apenas em algumas partes do corpo, aquelas que se adaptam bem as ponteiras. Não é possível fazer no rosto, por exemplo, porque o aplicador não se encaixa.

Cuidados anteriores à criolipólise

Não é necessária uma preparação específica para a criolipólise, a pessoa pode consumir alimentos e se exercitar normalmente antes e depois do tratamento. “Também não é necessário nenhum exame laboratorial para se submeter à técnica”.

Procedimento

O primeiro que fiz foi abdômen, ela cobre a área com uma manta protetora, que não pode ser reaproveitadas em outas áreas e muito menos em outros pacientes. Logo depois o aparelho e posicionado na área especifica, onde é ligado a -11ºC.

Duração da sessão de criolipólise

Durante a sessão o tempo de tratamento de uma área de 20 por 20 centímetros dura aproximadamente uma hora, como foi a minha.

Dor durante o procedimento

Sobre dor no momento da sucção proporcionada pelo aparelho, é mínima mas após o congelamento da gordura a região fica anestesiada. “Também pode haver desconforto na hora de retirar o aplicador, mas nada muito intenso”.

Reações adversas e complicações

Eu estou sentindo um pouco a região dolorida, e ficou um pouco rocha também, mas e super normal, pela pressão de sucção que  o aparelho faz!

Contraindicações

Nem todo mundo pode fazer a criolipólise, é preciso passar por uma avaliação detalhada antes. A criolipólise é contraindicada para pessoas com sensibilidade ao frio – como quem tem urticária, por exemplo -, com hérnias no local da aplicação, infecções na pele, para gestantes e para quem passou por cirurgia recentemente. Para quem pretende emagrecer, vale lembrar que o método combate a gordura localizada e não o excesso de peso, pois não atinge gordura em todas as áreas do corpo ou mesmo a visceral, gordura que se deposita entre os órgãos.

Resultados da criolipólise

Em contato com a baixa temperatura, as células de gordura – chamadas de adipócitos – se rompem totalmente. Em consequência, o corpo entende que elas não fazem mais parte do organismo e as expele naturalmente.

Estou muito satisfeita com a técnica, não tem nem uma semana que realizei e já vejo nitidamente os resultados, principalmente lateral onde eu tinha menos percentual de gordura!

A Dermato Funcional Adriana Bastos  disse que ainda tendo de 10 a 20 dias para melhoras de resultados, onde o corpo realmente expele as células.

Então pra quem tinha duvidas se realmente funciona, eu confirmo que estou doida pra chegar minha próxima sessão e contar a você!!

20150329_212244